Petróleo e dólar aliviam pressão sobre contas públicas