Exército realiza ações cívico-sociais em parceria com a Prefeitura

2013-06-05T18:20:10+00:0005 junho, 2013|

SAM_4560As Ações Cívico-Sociais (ACISO) são atividades realizadas pelo Exército Brasileiro para prover assistência e auxiliar as comunidades desenvolvendo o espírito cívico e comunitário dos cidadãos, no país ou no exterior, para resolver problemas imediatos e prementes. O Exército está em Vilhena para realizar a operação Ágata 7, a maior ação militar voltada à segurança e nessas ações conta com o apoio da Prefeitura de Vilhena.

O Tenente Rodolpho Augusto de Moura Pedro, oficial responsável pelo contato com a Secretaria de Saúde, explicou que além do trabalho de repressão do crime organizado pela 3ª Companhia  do 54º Batalhão  de Infantaria de Selva (3ª CIA do 54º BIS), também realiza serviços de assistência social, com atendimento médico e odontológico.

SAM_4564

“Fizemos o contato com o prefeito Zé Rover e com secretário Vivaldo Carneiro para saber qual era o bairro mais populoso e com maior necessidade de atendimento médico. Apresentamos nossa ação, e a Prefeitura apoiou a ação, dando toda logística. Além da estrutura da Unidade Básica de Saúde do Liro Hoesel (Cristo Rei), a Unidade móvel, Farmácia Básica (que levou os medicamentos para o local), sala com vacinação, agendamento de exames e equipamentos para atendimento odontológico, além dos Agentes Comunitários de Saúde, enfermeiros e técnicos de enfermagem, e demais profissionais da própria Unidade”, explicou o tenente.

Os atendimentos aconteceram nos dias 1 e 2 de (sábado e domingo) no período da manhã e tarde, com sete clínicos gerais e dois odontologistas. No total foram 160 consultas médicas, 21 consultas ginecológicas, 74 procedimentos odontológicos, 15 procedimentos cirúrgicos, 97 vacinas, e 209 oximetria (oximetria não-invasiva é a medida da saturação de oxigênio do sangue arterial com um aparelho chamado Oximetro, também chamada de oximetria de pulso).

Para a Srª. Ana Mendes Nunes de 74 anos, moradora do bairro Jardim Primavera, na avenida 1705, que aproveitou a ação para ir a Unidade acompanhada de seu marido o Srº. Serafim Pereira Nunes de 88 anos “Esse tipo de ação é muito bom, fui bem atendida pelos profissionais do Exército e também pela equipe da Unidade que já agendaram os exames pedidos pelo médico. Estou muito contente”, falou agradecida senhora.

Operação Ágata 7 – No total, 25 mil militares estão mobilizados para patrulhar toda a fronteira do país simultaneamente. A Ágata 7 abrangerá uma área de cerca de 2,3 milhões de quilômetros quadrados, o que equivale a 27% do território nacional, cuja extensão é de 16.886 quilômetros – do Oiapoque (Amapá) ao Chuí (Rio Grande do Sul), área que compreende 11 estados, dentre eles Mato Grosso do Sul e ainda 710 municípios. Esta operação que abrange uma população de 10,9 milhões de pessoas em todo o país. As ações cobrem os principais pontos da linha de fronteira visando principalmente combater delitos transfronteiriços e ambientais, e intensificar a presença do Estado na região de fronteira. Além das Forças Armadas (Marinha, Exército e Força Aérea Brasileira) a Operação Ágata 7 conta com a participação de órgãos de segurança federais, estaduais e municipais. A ação acontece nos 16.886 quilômetros de fronteira do país combatendo narcotráfico, contrabando, descaminho, tráfico de armas e munições, crimes ambientais, entrada de produtos irregulares no Estado, entre outros.

[tabs]
[tab title=”Rondônia Em Pauta”]Semcom[/tab]
[/tabs]

[print-me]

 

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Informações para contato

Mobile: (69) 9 9929-6909

Web: rondoniaempauta.com.br