O prefeito Zé Rover esteve esta semana no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), em Porto Velho, para tratar da regularização da área da Cooperfrutos e Aprovida. A negociação entre Prefeitura e Exército, para permuta dos terrenos, já foi aprovada.

Incra-(2)[dropcap]R[/dropcap]over conversou com o superintendente do Incra, Luis Flávio Ribeiro e técnicos da instituição  para pedir agilidade no processo que dará aos chacareiros a posse dos lotes. Rover esteve acompanhado pelo secretário adjunto de Indústria e Comércio, Darimar de Oliveira. A área está ocupada por cerca de 150 famílias há mais de 10 anos. Após o acordo entre Prefeitura e Exército, a troca dos terrenos está sendo efetivada.

O Exército está entregando a área para o Patrimônio da União, que por sua vez passa para o município. A prefeitura é quem fará a regularização fundiária, através de programa específico. O município também está ofertando ao Exército outras áreas que estão sendo permutadas, para que os chacareiros passem a ser proprietários legítimos de suas terras.

“É um processo longo, há mais de um ano estamos negociando com o Exército e finalmente temos a área para permuta, a instituição aceitou fazer a troca e agora é só aguardar o trâmite burocrático para podermos entregar em definitivo a posse para os chacareiros”, destacou o prefeito.

INCENTIVO À PRODUÇÃO – O prefeito e o secretário também discutiram com o superintendente do Incra uma parceria para a implantação do projeto de desenvolvimento e incentivo à produção nas Glebas Iquê e Tenente Marcos, próximo à divisa com Mato Grosso, nas margens da BR 174. “Estamos falando da criação de um assentamento de pequenos agricultores, de 100 a 200 módulos, para fomentação da agricultura familiar”, explicou o prefeito.

[tabs]
[tab title=”Rondônia Em Pauta”] Semcom[/tab]
[/tabs]

[print-me]