Aos 25 anos, o dentista Fábio Vinicius, foi diagnosticado com ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica), doença degenerativa que ataca o sistema nervoso.

Hoje aos 27 anos de idade, Fábio está em tratamento no estado de Massachusetts/Estados Unidos. Assim a arrecadação custeará os alugueis, despesas básicas, remédios e transporte da cidade de New Bedford até o local de tratamento em Boston.

Recentemente formando em odontologia, Fábio (27 anos), juntamente com seus pais, estão há sete meses em território Americano, buscando tratamento para a Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA). Antes da ida aos Estados Unidos da América, amigos e familiares fizeram uma “Ação entre amigos” para custear as passagens e o tratamento de Fábio, onde foi arrecadado um valor significativo, conseguindo suprir a família por aproximadamente seis meses naquele país. 

As ajudas vêm de todos os lados, inclusive de moradores de New Bedford que dão toda hospitalidade ao jovem e seus pais, mas como o custo de vida nos Estados Unidos não é barato, principalmente para a família que está dependendo de doações e ajuda de amigos e familiares, os pais do jovem não conseguem conciliar o tempo de tratamento à algum emprego na cidade. Assim o intuito dessa vaquinha é ajudar a manter Fábio e seus pais nos Estados Unidos.

O DIAGNÓSTICO: Em janeiro de 2018 foi percebido fraqueza e atrofia do hemicorpo esquerdo do jovem, sendo seus exames conclusivos para diagnóstico da Esclerose Lateral Amiotrófica. Depois do diagnóstico, a luta foi para conseguir o visto e o encaminhamento para o tratamento em centros de pesquisas americanos. 

O TRATAMENTO: Referência no tratamento de ELA, o hospital MGH – NEUROLOGY (MASSACHUSETTS GENERAL HOSPITAL), localizado na cidade de Boston, é especializado na área neurológica, sendo o mesmo responsável pelo tratamento de Fábio.

CONTRIBUA clicando aqui

Da redação do Rondônia em Pauta