pfOlá amigos leitores é mais uma vez que me dirijo a vocês com intuito de proporcionar e proferir algumas notícias que foram destaques no decorrer desta semana. Quero aqui agradecer as centenas de pessoas que têm acessado o Rondoniaempauta para ler o BALAIO, nome este criado para mostrar aos leitores aquilo que os outros não mostram ou até mesmo transformam realidade em ficção.

Semana do idoso, semana esta que vem proporcionando muitas alegrias aos nossos queridos amigos da melhor idade, quero nesta oportunidade parabenizar a ilustríssima senhora secretária municipal de ação social, Lizangela Rover que tem sido uma grande guerreira no comando desta tão importante Secretaria. Ainda sobre a SEMAS, destacamos ainda o grande trabalho que os funcionários do centro de atendimento ao idoso (CATI), que não tem poupado esforços para levar a alegria, descontração, saúde e uma grande alimentação feita pela grande cozinheira LULU carinhosamente conhecida por muitos. Na vida as coisas só dão certo se em primeiro lugar estiver Deus sempre a frente, estou me referindo sobre a pessoa que tem a grande missão de fazer acontecer tudo nos conformes, este é o papel que tem sido desempenhado pela amiga Maristela Stoco que é quem comanda toda esta maravilhosa equipe.

Já que estamos falando em idoso, vai aqui o nosso abraço ao amigo Valdir Alberto que depois do Show do Araújo, estará no comando do grandioso evento no CTG. No próximo domingo estará acontecendo um dos maiores eventos já vistos em todo estado, trata-se do Miss e Mister Terceira Idade de Rondônia. O evento acontecerá no Centro de Tradições Gaúchas Sinuelo do Norte (CTG), a partir das 9h e ao meio dia será servido um delicioso almoço regado de um suculento costelão preparado por quem verdadeiramente entende de um bom churrasco.

Este final de semana vai ser um Deus no acuda, fontes revelam que está prestes a acontecer a segunda edição da Termópilas em Rondônia, para alguns esta notícia não passa de boatos, mas há quem revele que podem até serem boatos, mas que são verdadeiros são. Têm políticos que já acharam jeito até de protocolar afastamento de suas funções temendo que algo de perigoso possa lhe acontecer. Tá tudo calado, politicamente já não se falam mais nada sobre as próximas eleições, parece estranho, mas a última pessoa que andou beirando o Cone-Sul foi o ex-senador Expedito Junior que, além de ter em mãos um novo partido, ainda conseguiu filiar alguns empresários e políticos em sua sigla. Se me perguntarem hoje quem vai ser candidato ao Governo no Estado, não saberei responder, pois nem os grandes políticos rondonienses arriscam um sequer palpite. Vamos acreditar que mesmo não tão bem das pernas o atual governador é o que mais aparece como opção ao cargo maior do Estado, haja visto que nem um outro nome ou sobrenome tem aparecido na fala popular. Será um Deus nos acuda se pensarem em lançar qualquer um pra disputar a sucessão de Confúcio, sabemos muito bem que se o ex-presidente da assembleia Valter Araújo não tivesse seu nome envolvido com a operação Termópilas, ele hoje seria um grande nome que iria dar muito trabalho até mesmo para políticos de nome e renome no estado.

Eu vi um helicóptero aparentemente da Polícia Federal aterrissando em Vilhena, fiquei aqui imaginando que uma equipe de fora estaria aqui para realizar uma operação rotineira de fronteiras, mas alguém me disse que era para dar suporte ao presidente do Incra que estará em nossa região para entregar vários títulos definitivos as famílias da fazenda Santa Elina localizada no município de Corumbiara e Chupinguaia. Assim eu acredito, mas vai que não tem nada haver…

A investigação iniciou há um ano e meio para apurar lavagem de dinheiro por meio da utilização de contas bancárias de empresas de fachada ou fantasmas, abertas em nome de “laranjas” ou “testas-de-ferro”, de forma a ocultar os verdadeiros responsáveis por tais movimentações. Verificou-se a existência de uma holding de empresas que consistia em um verdadeiro serviço de terceirização para lavagem do dinheiro proveniente de crimes diversos. Uma vez creditados nas contas bancárias das empresas investigadas, os valores ilícitos ficavam circulando pelas demais contas pertencentes à quadrilha até serem, enfim, sacados em espécie. Os “laranjas” e as “empresas” eram periodicamente substituídos por outros para não despertarem atenção dos órgãos de fiscalização.

Nos dezoito meses de investigação, foram sacados mais de R$ 300 milhões nas contas dessas empresas. Até o momento, entre as inúmeras células criminosas da organização, foram individualizados três núcleos distintos que contavam, inclusive, com a participação de policiais civis do Distrito Federal, responsáveis pela “proteção” da quadrilha. No curso da investigação, observou-se que os líderes da organização criminosa também desenvolviam outra atividade ilícita: o aliciamento de prefeitos e gestores de regimes próprios de Previdência Social a fim de que eles aplicassem recursos das respectivas entidades previdenciárias em fundos de investimentos com papeis pouco atrativos, geridos pela própria quadrilha e com alta probabilidade de insucesso. Esses fundos eram formados por “papeis podres”, decorrentes da contabilização de provisões de perdas por problemas de liquidez e/ou pedidos de recuperação judicial dos emissores de títulos privados que compõem suas carteiras. Severos prejuízos foram verificados no patrimônio desses regimes próprios de Previdência Social. Os prefeitos e gestores dos regimes de previdência eram remunerados com um percentual sobre o valor aplicado. O esquema contava também com a intermediação de importantes lobistas que faziam o elo entre agentes políticos e a quadrilha. Nessa investigação, foram verificadas irregularidades especificamente nos regimes próprios de Previdência Social das seguintes prefeituras: Manaus/AM, Ponta Porã/MS, Murtinho/MS, Queimados/RJ, Formosa/GO, Caldas Novas/GO, Cristalina/GO, Águas Lindas/GO, Itaberaí/GO, Pires do Rio/GO, Montividiu/GO, Jaru/RO, Barreirinhas/MA, Bom Jesus da Selva/MA, Santa Luzia/MA.  Os presos e indiciados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de gestão fraudulenta, operação desautorizada no mercado de valores mobiliários, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e falsidade ideológica.

Depois desta inúmeras prisões só nos resta alertar os mal feitores e dizer que não existe crime perfeito, todos os aqui cometidos podem até levar tempo mais um dia será descoberto mais cedo ou tarde. Por isto ande sempre na linha, caso contrário o Guatambu pode pegar vocês despercebido e fazer com que apodreça no Xilindró.

Até a próxima edição a todos e tenha um abençoado final de semana com nosso queridos amigos da terceira idade.

[print-me]