Exército receberá lotes urbanos em troca da área da Cooperfrutos e Aprovida

2013-07-26T21:56:53+00:0026 julho, 2013|

Exército ficará com lotes próximos à escola Zilda, com a área da Secretaria de Obras e outra localizada no residencial Orleans, próximo à UNESC

Lotes ao lado da escola Zilda da Frota Uchoa

Lotes ao lado da escola Zilda da Frota Uchoa

[pullquote]O imbróglio iniciou na gestão do ex-prefeito de Vilhena Ademar Suckel, no ano de 1.996. O exército recebeu os lotes para construir sua base em 2 anos, não construiu, mas registrou a área.[/pullquote]

[dropcap]H[/dropcap]ouveram vários interesses particulares usando a Cooperfrutos, na gestão de Ademar Suckel foi pedido que fosse criada uma cooperativa para garantir o patrimônio. Foi implantada, trabalhada, depois a área foi dividida, entrando a Aprovida com o Projeto Casulo do INCRA. Tudo através de interesses político-partidários.

O exército quer uma área pra a construção de uma Vila Militar, só depois libera a área em litígio. São 150 famílias de produtores que sofrem pela falta escrituração das terras sendo impedidos de obter financiamentos que alavanquem sua produção.

A discussão nunca teve um desfecho devido ao interesse individual de autoridades em se sagrar como o responsável pela solução do impasse. Um senador negocia algo, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Rondônia – FETAGRO negocia outra, cada um fazia de um lado.

O exército quer 40 hectares e não abre mão de sua soberania, quem faz avaliação para eles é a caixa econômica, que estipulou o valor de R$10 milhões. Em troca, a área permutada pode ser menor, mas deve valer o equivalente, em lugar valorizado.

O Coronel Crisóstomo ameaçou não construir mais a base se perder o terreno. Uma base do exército movimentaria ao redor de R$ 20 milhões na cidade.

Sede da Secretaria de Obras incomoda vizinhança

Sede da Secretaria de Obras incomoda vizinhança

Em entrevista ao Rondônia Em Pauta, o prefeito José Luiz Rover informou que a autorização para a permuta dos lotes já foi encaminhada para a câmara de vereadores.

“Os lotes serão aqueles que estão ao lado da escola Zilda da Frota Uchoa, outro lote é a própria Secretaria de Obras que gera reclamações dos vizinhos pela poeira e os caminhões pesados, a nova sede ficará no prédio do antigo Verdurão, já que hoje é usado para consumo de entorpecentes”, disse Rover.

Outro lote está localizado nos fundos do residencial Orleans, área nobre, pois está do lado da faculdade UNESC. Ainda há um valor a ser pago para terminar a negociação, segundo Rover a verba virá através da bancada de senadores que o apoiam.

 [tabs]

[tab title=”Rondônia Em Pauta”]Por Hernán Lagos[/tab]
[/tabs]

[print-me]

Um comentario

  1. […] Saiba mais: Exército receberá lotes urbanos em troca da área da Cooperfrutos e Aprovida […]

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Informações para contato

Mobile: (69) 9 9929-6909

Web: rondoniaempauta.com.br