Prefeito participa de Dia de Campo da Embrapa

2013-06-04T11:19:00+00:0004 junho, 2013|

Vilhena está servindo de modelo para outros municípios no cultivo do milho

DSC_0741[dropcap]O[/dropcap] prefeito Zé Rover participou do dia de campo da Embrapa em Vilhena, acompanhado pelo secretário de Agricultura, José Cândido Espíndula, o Candinho, e o secretário adjunto de Indústria Comércio e Meio Ambiente, Darimar de Oliveira, nesta terça-feira, 04. Durante todo o dia, produtores, pesquisadores e estudantes participam do dia de Campo, que é realizado no próprio campo experimental da Instituição.

“É importante participarmos para acompanhar as novas tendências, as novas tecnologias e também ter esse contato direto com o produtor. Até porque nosso objetivo é apoiar e incentivar a agricultura familiar, o pequeno produtor, mas também é nossa obrigação dar condições aos médios e grandes produtores de continuar fazendo da nossa cidade esse celeiro do Estado, que é Vilhena hoje”, destacou o prefeito, ao lembrar que Rondônia possui hoje um plantio de 140 mil hectares e que Vilhena, junto com o Cone Sul, responde por 90% dessa área.

DSC_0743

Como parte do Dia de Campo, antes de irem para a lavoura, os participantes assistiram a uma palestra do pesquisador Vicente Godinho, da Embrapa, que falou mais detalhadamente sobre os  melhoramentos que as empresas comerciantes de sementes tem realizado para tornar o cultivo mais resistente e mais produtivo. “Temos pé de milho aqui que chegou a um custo médio de produção de R$ 1.800, mas é um investimento em nome da pesquisa e que depois vai significar em melhorias para o produtor”, destacou.

Godinho explicou ainda que o milho safrinha, que é semeado nos primeiros meses do ano na ante safra da soja, tem ganhado cada vez mais espaço em Rondônia. A safrinha de milho no Esatdo já responde por mais da metade da produção estadual do grão (55% da produção de 255 mil toneladas produzidas em 43% da área cultivada com milho). Na média estadual, o milho safrinha ocupa metade da área cultivada com soja, mas na última safra em Vilhena, a proporção foi bem maior, pois mais de 80% da área de soja teve milho em sucessão. “E o sucesso dos pioneiros da safrinha na região sul de Rondônia contribuiu para o aparecimento de muitos núcleos de produção de milho em outras regiões do estado, onde são cultivados a soja e o arroz”, enfatizou o pesquisador.

[tabs]
[tab title=”Rondônia Em Pauta”] Semcom[/tab]
[/tabs]

[print-me]

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.