Procon Rondônia alerta consumidores sobre a compra de material escolar

2014-01-22T07:49:57+00:0022 janeiro, 2014|

Com o ano letivo já para iniciar nas próximas semanas e alguns pais ainda não compraram o material escolar. O Procon, que é vinculado à Secretaria de Estado da Assistência Social (SEAS) recomenda a pesquisa de preço, sem necessidade de fugir da qualidade.

image[dropcap]O[/dropcap] Procon alerta que a pesquisa de preços é fundamental para quem quer gastar menos e chama atenção ainda sobre itens abusivos contidos na lista de algumas pelas escolas. O órgão pede que o consumidor leia atentamente a lista, pois, algumas instituições de ensino exigem itens que não competem aos pais comprarem.

Segundo o Coordenador Estadual do Procon Rondônia, Rui Costa, o material abusivo é todo aquele que não tem conexão com a atividade pedagógica. Ele informa que “a escola pode até pedir alguns dos itens proibidos na lista, por exemplo, o papel higiênico, desde que seja destinado a algum exercício educativo. É obrigação da escola informar em quais atividades de ensino o produto será utilizado”.

Para atender ao que rege o Código de Defesa do Consumidor, o Procon do Rondônia divulgou a relação de itens que não podem ser exigidos em listas de material escolar, por serem considerados abusivos:
– Álcool hidrogenado
– Algodão
– Bolas de sopro
– Canetas para lousa
– Copos descartáveis
– Cordão
– Creme dental
– Disquetes
– Elastex
– Esponja para pratos
– Estêncil a álcool e óleo
– Fita para impressora
– Fitas decorativas
– Fitilhos
– Giz branco e colorido
– Grampeador
– Grampos para grampeador
– Lenços descartáveis
– Medicamentos
– Papel higiênico
– Papel convite
– Papel ofício colorido
– Papel ofício (230 x 330)
– Papel para impressoras
– Papel para copiadoras
– Papel de enrolar balas
– Pegador de roupas
– Plásticos para classificador
– Pratos descartáveis
– Sabonetes
– Talheres descartáveis
– TNT (tecidos não tecido)
– Tonner

Em caso de dúvida e para informações complementares, o consumidor pode entrar em contato com o PROCON em Porto Velho (69) 32165930; Ariquemes (69) 3536-3071/ Ji-Paraná (69)3423-8833/ Rolim de Moura-(69) 3442-9016/ (69) 3322-4941 e pelo 151 de qualquer telefone fixo.

Texto e Fonte: Procon

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.