De acordo com a diretora de Educação de Trânsito do Detran, Claudiene Dias, a programação nesses municípios obedece ao planejamento

Atendendo a dinâmica do Programa Educação Viária é Vital, os municípios de Jaru, Cerejeiras e Vilhena recebem na primeira semana de julho, a equipe do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), para o curso de formação de docentes multiplicadores, que deverá reunir cerca de 320 professores nesta etapa.

De acordo com a diretora de Educação de Trânsito da autarquia, Claudiene Dias, a programação nesses municípios obedece ao planejamento e estratégia adotada em Porto Velho, quando do lançamento do programa em Rondônia, no último dia 31 de maio. Ela confirmou, pela ordem, que o curso será realizado em Jaru, Cerejeiras e Vilhena, nos dias 02, 03 e 04 de julho respectivamente, com o planejamento de 4 (quatro) horas/aula de encontro presencial e mais 36 horas de ensino a distância (EAD).

Entusiasta do programa, o diretor-geral do Detran, Neil Gonzaga, apresentou os números alcançados no Brasil, destacando que este programa já impactou mais de 100 mil educadores e cerca de 4 milhões de estudantes em todo o País. O diretor destacou a iniciativa do Detran em fazer a parceria com a Mapfre Seguros, informando que assim estaria atendendo a uma determinação do governador Marcos Rocha, que vê na educação o meio mais adequado para a formação de uma cultura de trânsito capaz de formar cidadãos mais conscientes, seguros e informados de sua relação com a segurança viária e valorização da vida.

A diretora Claudiene Dias explicou que a passagem do conteúdo do Programa Educação Viária é Vital, embora muito simples, atende a critérios e uma metodologia única para o País, com encontros de formação presencial e de Educação a Distância (EAD), que estimulam o desenvolvimento de projetos para o trânsito com a participação dos alunos e da própria comunidade.

Secom – Governo de Rondônia