Servidores aproveitam suspensão de campeonatos para dar andamento em processos administrativos com vistas ao retorno das atividades normais

EM PREPARAÇÃO AO RETORNO das atividades esportivas, Semes inicia processos administrativos de contratação de árbitros

Devido à pandemia do novo coronavírus, a Secretaria Municipal de Esportes (Semes), suspendeu suas atividades esportivas para evitar a propagação do vírus em nosso município. Porém, para agilizar a retomada dos campeonatos e outras competições, os servidores da secretaria já prepararam o processo administrativo de contratação dos serviços de arbitragem para, assim que a pandemia passar, a Prefeitura ter os documentos resolvidos para reiniciar as disputas esportivas de forma imediata. A contratação dos árbitros e seu pagamento, no entanto, só acontecerão quando as atividades esportivas recomeçarem, de fato.

A licitação foi dividida em dois lotes: um conforme as tabelas dos campeonatos e a outra para o pagamento da arbitragem. O lote das tabelas gira em torno de R$ 59,5 mil e o outro, de arbitragem, terá custo de aproximadamente R$ 30 mil.

O processo segue para a auditoria do Município, para em seguida ser iniciada a licitação. Embora o processo defina que o valor do certame seja aplicado nas atividades da secretaria ainda este ano, o prazo poderá ser estendido conforme a duração das medidas de restrição recomendadas pela Saúde.

Silmar de Freitas, secretário municipal de Esporte, destaca que a empresa que vencer os lotes deverá garantir os padrões de qualidade estabelecidos pela pasta, assim como os regulamentos federativos de competições e apresentar números dos serviços prestados. “O valor será gasto na execução de diárias que deverão ter prestação de contas adequada. Os profissionais serão pagos de forma individual e o restante dos demais custos são da equipe completa de arbitragem, respeitando a quantidade necessária de profissionais que trabalham em cada modalidade, conforme as exigências oficiais”, conclui Silmar.

PRÓXIMA ETAPA – Após a conclusão desta etapa, a Semes preparará uma nova licitação para a compra de troféus e medalhas, com o mesmo objetivo burocrático de garantir que tudo esteja certo para o reinício das competições quando a covid-19 não for mais impeditivo. Da mesma maneira que a arbitragem, os pagamentos de troféus e medalhas acontecerão apenas quando as disputas começarem.

Semcom