O Vilhenense empatou neste sábado com o Ji-Paraná em 1 a 1 no estádio Portal da Amazônia, em Vilhena, e conquistou seu primeiro título na história. A partida foi válida pelo jogo de volta da decisão do Campeonato Rondoniense 2019.

Foto: Alexandre Almeida

Empolgado pelo comparecimento em peso de sua torcida, o Vilhenense começou a partida no ataque. Aos quatro minutos, Ariel ganhou dividida do zagueiro Marcelo, avançou livre e finalizou, o goleiro Rocha espalmou e, na sobra, Ariel cabeceou para colocar o Vilhenense em vantagem.

O Ji-Paraná não se intimidou e seguiu em busca do seu gol. Aos oito minutos, Charlinho recebeu na área e bateu cruzado, mas o goleiro Gil fez grande defesa. Aos 37′, o Ji-Paraná teve a oportunidade em cobrança de penalidade, mas Cabixi desperdiçou, finalizando para fora.

Na volta do intervalo, o Vilhenense voltou a assustar. Com um minuto de jogo, Xavão tabelou com China e bateu forte, mas a bola cruzou lentamente a frente do gol do goleiro Rocha.

Aos 12 minutos, Luciano Mourão chega forte em Tuquinha e em seguida, os jogadores se estranham em campo. Após a confusão, o volante Nick foi expulso.

Aos 16 minutos, o Galo da BR conseguiu chegar ao seu gol. Após bola alçada na área, a bola foi cabeceada para o gol e o goleiro Gil defendeu em cima da linha, mas o trio de arbitragem confirmou o gol.

Com um jogador a mais em campo, o Vilhenense se encolheu no campo de defesa e o Ji-Paraná tentava chegar somente em bolas alçadas na área. Aos 49′, Johnnatan tenta o cruzamento e por pouco não marca. Já aos 53′ Tuquinha recebe livre, dribla o goleiro Rocha e tenta bater para o gol, mas o goleiro do Ji-Paraná salva.

Com o resultado, o Vilhenense conquista seu primeiro título estadual e está garantido na Copa do Brasil 2020 e na Série D do Campeonato Brasileiro. Já o Ji-Paraná está confirmado na Série D do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Futebol do Norte