Arqueólogos acham pedra de 2 mil anos com inscrição “Jerusalém” em hebraico