Discutir a regulação da composição da  Diretoria da Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) no município de Vilhena, foi o objetivo de reunião realizada na semana passada na sede da Promotoria de Justiça de Vilhena.

O Promotor de Justiça Paulo Fernando Lermen esclareceu que não há intenção do Ministério Público do Estado de Rondônia de extinguir a APAE em Vilhena, mas sim, exigir a composição regular da entidade, dentro da legislação pertinente relativa à Associações.

Diante das irregularidades relatadas na reunião, a Promotoria de Vilhena vai apurar a realidade dos fatos para instruir o procedimento 2017001010002693.

Fonte: Ascom MPRO