imageO Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio da 5ª Promotoria de Justiça, expediu recomendação à Diretoria de Tecnologia e Informação e Comunicação (DETI) do Estado de Rondônia para seja prorrogado, ao menos por mais 30 dias, a abertura de propostas de licitação por meio de pregão eletrônico para contração de serviços de informática e que seja dada ampla divulgação a esta prorrogação.

A recomendação foi expedida pelo promotor de Justiça Geraldo Henrique Ramos uma vez que o Estado de Rondônia está realizando licitação para aquisição de serviços de informática, equipamentos e software para ampliação da infraestrutura do Centro Telemático dados e voz da Diretoria Executiva de Tecnologia e Informação e Comunicação (DETI), no valor aproximado de R$ 18 milhões.

A publicação do aviso de licitação para contratação destes serviços foi feita no dia 23 de dezembro, na véspera do Natal, e a abertura das propostas deve ocorrer até o dia 14 de janeiro, período em que, para o MP, a maioria das empresas concedem férias e licenças coletivas a seus funcionários, impossibilitando assim uma maior competitividade no certame. O MP ressalta ainda que o próprio diretor da DETI encontra-se em férias e não poderá dar o necessário suporte técnico para a contratação do serviço.

Fonte: Ascom MPRO