Rasura na carteira de trabalho não é caso para indenização por dano moral