A composição da Assembleia Legislativa pode não ser ainda a definitiva. É bom que fiquemos atentos, porque pode mudar muita coisa, já que o Ministério Público anda agindo e investigando muita coisa. Aliás, as transformações já começaram.

O TSE considerou válidos votos da Professora Valdecira, do PSC, tirando da ALE o deputado Jean Mendonça, de Pimenta Bueno e colocando em seu lugar Geraldo da Rondônia, de Ariquemes. Pode vir mais: há uma chance real do deputado do PR, Ribamar Araújo, assumir uma das vagas. Ele depende do julgamento do caso do candidato Dr. Ferrari, que fez mais de sete mil votos e que está com sua candidatura considerada impugnada, pelo TRE.

Caso os votos de Ferrari sejam validados, para Ribamar, para quem faltaram apenas 70 votos para se eleger em sua coligação, ele estará dentro e quem sairá será a representante de Vilhena, a deputada hoje eleita Rosângela Donadon. O assunto ainda  não está decidido. Nessa próxima semana, certamente o caso será definido.

Autor / Fonte: Sérgio Pires