Valdir Alves e Odail Ferreira, conhecido como “Nego”, foram mortos a bala

O homicídio aconteceu por volta das 9h50 desta quarta-feira (26) numa residência localizada na rua 25 nº 3172 no bairro Jardim Social em Vilhena/RO, na frente do condomínio do Vitório Abrão.

Dois pedreiros que trabalhavam na obra da casa foram cruelmente assassinados a bala. A perícia isolou o local para realizar os trabalhos de praxe.

Segundo testemunhas 3 homens chegaram num Citröen C4 Pallas, de cor escura, e efetuaram os disparos. Um dos pedreiros morreu próximo ao portão e outro perto da piscina.

O casal que mora na casa acabava de contratar os pedreiros. Segundo a moradora, seu filho de 4 anos sempre ficava ajudando os pedreiros. Mas esta manhã, a sogra pediu para ela lhe ajudar levando uns exames e, assim que os pedreiros chegaram, ela saiu com o filho, foi nesse intervalo que o homicídio ocorreu.

O ajudante dos pedreiros conseguiu se salvar dos disparos ao correr para os fundos da casa, ele entrou gritando que estavam sendo assaltados.

Veja fotos chocantes das vítimas:
Foto 1
Foto 2

Por Nano Labajos