Na tentativa de abordagem, o suspeito fugiu e baleou um policial na coxa. Outro policial atingiu o suspeito que veio a óbito.

Arma encontrada em RO com homem foragido da justiça do Mato Grosso. — Foto: Polícia Militar/ Divulgação

Um homem de 28 anos, foragido da justiça do Mato Grosso, morreu em confronto com a polícia na tarde de terça-feira (30) em Machadinho do Oeste (RO) distante aproximadamente 350 quilômetros de Porto Velho. Durante uma tentativa de abordagem o suspeito fugiu pulando muros. Após o cerco, ele atirou na coxa de um policial, que estava de folga, prestando apoio na perseguição.

De acordo com ocorrência registrada pela Polícia Militar (PM), dois suspeitos foram vistos caminhando no Bairro Bela Vista em Machadinho do Oeste, durante abordagem o suspeito de 28 anos disse que era morador da cidade e havia acabado de conhecer o colega de caminhada, um homem de 33 anos.

Em consulta ao sistema, os policiais viram que o homem de 33 anos era foragido da justiça do Mato Grosso, como nada de ilícito foi encontrado com suspeito de 28 anos ele foi liberado.

Diante disso, o homem informou que o colega de 28 anos havia mentido o próprio nome e também era foragido do Mato Grosso, disse ainda que ele estava indo para casa onde moravam. Na residência o suspeito percebeu os policiais e fugiu a pé, pulando muros.

Policial que estava de folga prestando apoio na perseguição foi baleado na coxa — Foto: Polícia Militar/ Divulgação

Um policial de folga, viu a fuga do suspeito para um terreno baldio e auxiliou a guarnição. Ao se aproximar, o foragido atirou contra o militar o atingindo na coxa, um policial socorreu o colega ao hospital do município, enquanto os demais integrantes da guarnição entraram no mato e o suspeito continuou a atirar, os policiais atiram contra o homem que foi atingido.

O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samui) foi acionado e constaram o óbito. A perícia esteve no local, liberando o corpo ao Instituto Médico Legal (IML). O policial baleado ficou em observação médica no hospital.

A ocorrência foi registrada e entregue na Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) de Machadinho.

G1 – RO