Ele ainda tentou investir contra a polícia

3de45412-9b44-4cad-b141-91a9222389eaPor volta das 15h20 deste domingo (7), a Polícia Militar de Vilhena foi acionada para comparecer na rua Domingos Linhares nº 583 no Centro de Vilhena.

Vizinhos afirmaram aos policiais que haviam escutado um barulho e foram verificar tendo visto Ivo Royer, 49 anos, maltratando seus quatro cachorros e, seguidamente os matou. Para um deles Ivo teria dito: ‘Você não sabia que eu ia matar os cães?’.

Ele estava muito alterado e arremessou uma pedra na casa de um dos vizinhos, quebrando o vidro da janela. Seguidamente entrou no quintal do vizinho de posse de um facão sujo de sangue e golpeou a porta vindo a quebrar o vidro e voltou à sua casa dizendo: ‘Eu matei minha mãe!’.

Os policiais entraram na casa de Ivo e encontraram a sala com poças e marcas de sangue. Ivo estava de posse de uma faca tipo peixeira se auto lesionando no lado direito do pescoço. Os policiais tentaram persuadi-lo para colocar a faca no solo, mas ele se negou.

Seguidamente foi entrando num dos quartos da casa com a faca em mãos e ofereceu resistência dizendo: ‘Não vou largar a faca! Atire para matar! Foi quando ele fez um gesto de que iria investir contra os policiais, sendo necessário realizar dois disparos para contê-lo, ele acabou alvejado na coxa da perna direita e acabou soltando a faca. O Corpo de Bombeiros foi acionado e realizou os primeiros socorros e o encaminhou ao Hospital Regional.

Ivo confirmou que matou os cachorros e também tirou a vida de sua mãe Lídia Margarida Royer, 72 anos, todos a golpes de facão.

Nos fundos da casa, foi encontrado o corpo da mãe Ivo com um profundo corte no pescoço e volta dela, três cachorros mortos com golpes no pescoço, mais afastado debaixo de uma árvore estava um quarto cachorro, morto do mesmo jeito.

Posteriormente Ivo foi levado à Delegacia de Polícia Civil, onde ficou preso.

Da redação do Rondônia em Pauta