Ele usava uma arma falsa para praticar os roubos

Kyrky Douglas Marques de Souza

Kyrky Douglas Marques de Souza

Por volta das 19h da terça-feira (24), uma guarnição da Polícia Rodoviária Estadual – PRE em deslocamento da área urbana de Vilhena para o posto deparou-se no Km 19 da BR-364 com uma moto Honda Biz, azul, com as características semelhantes à que havia efetuado, no dia anterior, vários roubos em estabelecimentos comerciais.

Arma falsa usada para praticar assaltos

Arma falsa usada para praticar assaltos

Ao se aproximar foi constatado que a placa NBM-2877/Vha era da moto usada para cometer os crimes e que foi roubada ontem por volta das 15h numa residência. A PRE ordenou que o condutor parasse usando o giroscópio e a sirene, mas o condutor desobedeceu e aumentou a velocidade, realizando manobras perigosas entre os veículos que trafegavam pela BR-364, sentido Porto Velho.

imageLogo após a torre no Km 21, ele tentou entrar em uma linha, mas perdeu o controle, caiu para fora da pista e saltou de uma altura de 2 metros, vindo a parar a cerca de 6 metros fora da pista. Mesmo após a queda, o motorista tentou fugir, mas acabou preso. Nesse intervalo, em contato com a Central de Operações da Polícia Militar foi confirmado que as características do condutor eram as mesmas que as vítimas descreveram.

A vítima da panificadora Agapi, da Av. Paraná descreveu que o ladrão era de estatura baixa, magro, branco, de olhos claros e usava um capacete preto. Ele também havia roubado a panificadora Art Pão da Av. José do Patrocínio usando uma arma de brinquedo que estava em sua casa. Tratava-se de Kyrky Douglas Marques de Souza, 31 anos.

Em sua casa haviam objetos furtados e uma uma imitação de pistola que estava dentro de uma bolsa de viagem azul. No bagageiro da moto foram encontrados R$ 62,50 roubados na panificadora Art Pão. Kyrky confessou que após realizar os roubos se escondia no Hotel Imperial, no apartamento 19 da Galeria Sadec no Centro ou na rua 906 do Setor 8.

Da redação do Rondônia em Pauta