Mais três apenados conseguiram fugir da Casa de Detenção de Ouro Preto do Oeste na noite de quinta-feira, a ausência dos presos foi percebida às 23 horas após uma rápida recontagem. Antes da fuga, havia 164 presos, sendo 140 no regime fechado e 24 no regime semiaberto, de onde o trio fugiu.

Edson Paulo de Oliveira Campos, condenado pelo latrocínio cometido contra o engenheiro civil e professor universitário Wilson Amaral, em 2001, Ronei Tunes Gonçalves, que participou de dois assaltos a Drogaria Farma Reus e ao Posto Savana, em 2014, e Ronaldo Fernandes de Souza, fugitivo de Acrelândia capturado na noite da última quarta-feira, conseguiram abrir um buraco enorme na parede da cela 03 do regime semiaberto, que dá acesso aos fundos da Casa de Detenção, e conseguiram se evadir da unidade prisional de Ouro Preto.

ttrDois agentes que faziam a vigília perceberam uma movimentação atípica pela câmera 14 do sistema de vídeomonitoramento, se deslocaram para o local e um deles efetuou um disparo de alerta com uma espingarda calibre 12, impedindo que mais detentos fugissem.

Em seguida, os presos do albergue onde houve a fuga foram levados para a quadra devido a buraco aberta na parede, e de lá transferidos provisoriamente para a cela do albergue 02.

Rondoniagora