Enteado engoliu uma paranga de droga quando foi abordado pela polícia

DSCN9526O fato aconteceu por volta das 22h30 do sábado (7) na rua H12, quadra 11, nº 28 da Cohabinha em Vilhena.

Uma guarnição da polícia militar, em patrulhamento pela rua H12, em frente à casa nº 28 deparou-se com Claudinei Paulo dos Santos, de 32 anos, saindo da casa. Ele se assustou ao ver a viatura. Ao ser revistado foi encontrado uma paranga de droga na boca, ele engoliu a droga. Claudinei disse que ia para avenida Paraná vender paranga e que estava em sua boca.

DSCN9511Seguidamente, os policiais escutaram um barulho dentro da casa, ao entrarem encontraram Ângela Maria, mãe de Claudinei, deitada em uma cama, do seu lado estava um bolsa aberta mostrando várias cédulas de dinheiro totalizando R$2.105,85 e duas parangas de droga. Ângela esclareceu que o dinheiro provinha do seu benefício de aproximadamente R$650,00, mas não foi encontrado nenhum recibo do saque do benefício.

DSCN9525Num dos quartos foi encontrado Valdecir Pinheiro da Rosa, de 30 anos, amásio de Ângela Maria. Ele confirmou a versão de Ângela Maria. Nem Claudinei e Valdecir trabalham, ambos foram detidos.

DSCN9524Ao ser preso Claudinei reagiu e recusou-se a entrar dentro da viatura, chutando a porta traseira vindo a amassar o lado esquerdo. Dentro do camburão deu chutes, amassando a grade do lado direito. Ele afirma que as escoriações no seu rosto são produto de uma queda de bicicleta.

Por Hernán Lagos