Parte da droga estava acondicionada num absorvente

Casal de usuários e Renivaldo

Casal de usuários e Renivaldo

Uma guarnição da Polícia Militar em patrulhamento pela Av. 629 no bairro Parque São Paulo, na manhã desta segunda-feira (3), avistou um casal usuário de entorpecentes saindo rapidamente de uma residência suspeita de servir para comércio de entorpecentes.

Droga na casa do Renivaldo

Droga na casa do Renivaldo

Em abordagem, foi constatado que eles estavam com um cachimbo para consumo de droga e informaram que compraram a droga naquela casa, o vendedor era Renivaldo Ribeiro da Silva.

Dentro da casa, foram encontradas 10 parangas de droga e dinheiro. Parte da droga estava acondicionada num absorvente. Renivaldo informou que adquiria a droga de outro casal: Lurdes Rocha, 18 anos, conhecida como “Lurdinha” e Zeraquias Correia de Souza, 25 anos, conhecido como “Zerinho” que moravam na rua das Nações no bairro Embratel.

O local também era suspeito de servir para comércio de drogas, mas os policiais não imaginavam que fosse um local onde era vendida alta quantidade de droga.

 

Zerinho e Lurdinha

Zerinho e Lurdinha

Lá foram recebidos por Lurdinha. Zerinho estava deitado na cama e tentou esconder embaixo do colchão uma grande quantidade de entorpecente. Numa bolsa havia quase R$2 mil. Um tablete grande de cocaína pura. Recortes de sacolas para distribuição.

DSCN3948Zerinho já é conhecido por participar de vários roubos na cidade e está cumprindo albergue. Ele quis subornar a guarnição, oferecendo os quase R$2 mil que estava dentro da droga, mas acabou atrás das grades.

Por Hernán Lagos