Votos não serão contabilizados para a candidata Rosani Donadon

dona-rosani-1O Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia – TRE julgou neste sábado (1) o recurso apresentado pelos advogados da candidata Rosani Donadon (PMDB) que teve a candidatura impugnada em 1ª instância pelo juízo da 4ª Zona Eleitoral de Vilhena após pedido do MPE, com base na Lei da Ficha Limpa. O indeferimento da candidatura foi mantido por 4 votos a 2.

No dia da eleição permanecerá indefinida a situação da candidatura que concorre sub judice, seus votos serão considerados nulos na totalização dos resultados, e não aparecerão na contabilização geral (os votos aparecem zerados no cálculo do dia das eleições).

Se após as eleições, a candidatura que concorre sub judice, tiver indeferido o seu registro pela Justiça Eleitoral, e possuir mais da metade dos votos, “consagrando-se” “eleita”, após o trânsito julgado da decisão, haverá nova eleição, independentemente do número de votos anulados. Não poderá haver substituição até a data da eleição que se avizinha.

Da redação do Rondônia em Pauta