O vereador Célio Batista (PP) levou ao plenário da Casa de Leis, nesta terça-feira, 3, mais uma importante indicação direcionada ao Executivo de Vilhena. Trata-se de incentivo fiscal a empresas que apoiam e fomentam as atividades de caráter esportivo.

CELIO-BATISTA-7[pullquote]O parlamentar vai enviar um modelo do projeto ao Executivo municipal, a fim de que o prefeito avalie os resultados positivos que terá a propositura.[/pullquote]

[dropcap]C[/dropcap]élio Batista acredita que a ideia será bem recebida pelos empresários vilhenenses, já que parte dos impostos pagos à prefeitura será investidos em projetos esportivos.

Para ele, o investimento poderia ser entre 20% e 30% do imposto sobre serviço, o ISSQN. Outra alternativa é o desconto no Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU). “Sabemos que o esporte passa por dificuldades, mas o setor merece uma atenção especial. Este projeto visa apoiar estas ações. Isto não significa renúncia de receita. O empresário vai decidir as atividades que irá apoiar e saberá pra onde está indo parte dos seus impostos. Além disso, isto irá acabar com as tradicionais ‘vaquinhas’ que os esportistas fazem para se deslocar até locais de competições para representar Vilhena”, analisou.

Com relação às ‘vaquinhas’, o vereador citou o caso, principalmente, de esportistas que praticam as artes marciais. É comum atletas desta modalidade esportiva representarem Vilhena em nível estadual e nacional. “Espero que o Executivo analise de forma especial este projeto, que vai ajudar – e muito – o nosso esporte local”, ressaltou, dizendo ainda que projeto desta natureza será estendido ao setor cultural.

Assessoria