Defasagem de 95,4% na tabela do IR agride Estado Democrático de Direito