Foto ilustrativa

Foto ilustrativa

Um vício do bem. É assim que os colecionadores de carros antigos definem a paixão por automóveis que, apesar de não serem mais fabricados, permanecem vivos não só na memória dos fãs, mas circulando pelas ruas de Vilhena.

Segundo o empresário Domingos Romagna, o clube tem como objetivo preservar a memória de automóveis que marcaram época no país e estabelecer regras específicas para a sua conservação, e referentes à originalidade e a certas modificações.

Aproveite e veja na manhã deste domingo os carros antigos na praça do 5º BEC.

Por Hernan Lagos
Jornalista profissional