Paralisação teve início na última segunda-feira e cobra promessa de campanha do atual prefeito de Vilhena.

O movimento grevista por parte dos funcionários públicos de Vilhena que teve início na última segunda-feira, 02 de dezembro e que ganha força ao longo dos dias terá mais um ato significativo na manhã desta quinta, 5. O grupo liderado pelo Sindicato dos Servidores Públicos do Cone Sul de Rondônia (Sindsul) prepara uma passeata (pacífica) pelo Centro da cidade.

A concentração do grupo de servidores lotados na Semosp, Saúde e Saae, que fazem parte do manifesto, está marcada para as 7h30, na Praça Nossa Senhora Aparecida (Praça da Biblioteca). A aglomeração irá se deslocar pela avenida Capitão Castro e retornará ao ponto de partida pela Major Amarante.

A greve iniciada no dia 2, já teve manifestação em frente ao Hospital Regional, Paço Municipal, mesmo sem a presença daquele que prometeu em sua campanha a aprovação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCC´S), Eduardo “Japonês” e ainda, a presença maciça dos servidores na sessão da Câmara de Vereadores, realizada na noite de ontem, dia 3.

A caminhada dos servidores que estão em greve será como todo ato já feito por nós, de forma pacífica. Ele serve para nos fortalecer, serve para que caminhemos lado a lado nessa luta que, ao contrário do que muitos pensam, mal começou. Os servidores públicos brigam pela implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCC´S). há dez anos o funcionalismo municipal sofre perdas salarias sem as devidas correções salariais.

Fonte: Assessoria Sindsul