Servidores da prefeitura restauraram o monumento do Padre Ângelo Spadari, localizado na praça que leva seu nome, em frente à Igreja Nossa Senhora Auxiliadora, em Vilhena.

A escultura, que está há mais de 15 anos no centro da praça, foi alvo de vândalos que, na noite do último domingo, teve o pescoço quebrado.

Na manhã desta segunda-feira, a prefeitura tomou conhecimento do caso e fez a avaliação dos danos, iniciando logo em seguida a restauração da mesma.

Já nesta quarta-feira, 13, o secretário de esportes, Natal Pimenta Jacob e servidores da Semed estiveram no local confirmando a restauração do patrimônio público da cidade.

 

QUEM FOI ÂNGELO SPADARI

Padre Ângelo Spadari é natural de Agualonga Baldona, na Itália, onde nasceu no dia 24/10/1910. Foi filho de Francisco e Maria Chiofe Spadari.

Chegou à Vilhena para celebrar a primeira missa em 1963. Junto com vários fiéis, o padre ajudou a construir a igreja.

Semcom