A Sicoob Credisul apresentou na noite de ontem, 25 de abril, os resultados das cinco unidades de Vilhena (RO), na última Pré-assembleia 2019, realizada no salão de festas da Aviagro. Mais de 1.400 cooperados, convidados e imprensa marcaram presença no maior evento do processo assemblear da cooperativa, que comemora mais um ano de bons resultados.

Durante três meses, os diretores da Sicoob Credisul percorreram 15 cidades, em Mato Grosso, Acre e Rondônia. Os encontros foram destinados à prestação de contas e antecederam a AGOE – Assembleia Ordinária e Extraordinária, realizada, na manhã desta sexta-feira, 26 de abril, com os 50 delegados no CTC Sicoob Credisul.

Na Pré-assembleia em Vilhena, Ivan Capra, presidente do Conselho Administrativo da Sicoob Credisul, falou sobre o cooperativismo financeiro no mundo e apontou o cenário no País. “O protagonismo do cooperativismo financeiro no mundo é surpreendente e tem grandes índices em países mais desenvolvidos como a França, EUA e Canadá. No Brasil, existem 1.001 cooperativas e 10 milhões de associados, são apenas 4,8% da população que fazem parte desse sistema, temos muito a conquistar”, apresentou Capra.

Dentre as cooperativas singulares do sistema Sicoob, a Credisul tem se destacado pelos resultados, comparando 2018 com o ano anterior e levando em consideração a média nacional. A cooperativa teve um crescimento extraordinário. “Crescemos 50% em Ativos totais e alcançamos R$ 1,24 bilhões, em Patrimônio Líquido crescemos 38% e em resultado 65% chegando a R$ 73,23 milhões em Sobras”, apontou o diretor operacional da Sicoob Credisul, Dante Luís Hahn.

Distribuição de Sobras

Após a demonstração dos resultados da cooperativa, Ivan Capra apresentou a proposta de destinação das sobras. “A proposta é de 90% em crédito na conta corrente dos cooperados, e os 10% restantes destinados para a construção do Hospital Cooperar”, indicou.

Projeto Inovador

O diretor executivo, Vilmar Saúgo apresentou imagens do projeto de interiores do Hospital Cooperar, e anunciou que após as aprovações do projeto, pelos órgãos competentes, as obras serão imediatamente iniciadas. Cooperados estão realizando doações mensais desde junho do ano passado, e ainda durante a Pré-assembleia, vários se sensibilizaram e doaram valores maiores em prol da construção.

“Agradeço aos cooperados que estão fazendo doações, pois só vamos conseguir realizar esse projeto, que fará a diferença na vida de muitos, se as pessoas se sensibilizarem pela causa”, disse Saúgo.

Aline Rayane de Mattos