empresafacil.fw_-470x385Confirmando a adoção de uma série de providências para implantação do sistema Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), a Junta Comercial de Rondônia (Jucer) realizou, de 4 a 11 deste mês, em pelo menos oito municípios do estado, treinamento dirigido sobre aplicação dos procedimentos para adesão ao novo sistema que dinamiza e facilita o processo de abertura, legalização e encerramento de atividades empresariais.

Segundo o técnico Leílson Costa de Souza, gerente do Departamento de Registro e Comércio da Jucer, os servidores da Junta, especialmente os contadores, nos municípios de Vilhena, Cacoal, Rolim de Moura, Ji-Paraná, Jaru, Buritis e Ariquemes passaram por treinamento em suas respectivas bases, sobre a nova ferramenta denominada “Empresa Fácil”, que é parte do projeto do Redesim, tirando dúvidas sobre sua operacionalidade para ampliação do poder de expansão do setor empresarial.

O Redesim é um programa federal que visa desburocratizar os procedimentos para abertura de empresas e demais atos, concentrando na junta comercial de cada estado todas as providências necessárias para este fim. Por força de lei, integram o programa órgãos como Receita Federal, Receita Estadual, órgãos de licenciamento ambiental e de segurança, como as secretarias de meio ambiente estaduais e municipais, vigilância sanitária e corpo de bombeiros. “Redesim é uma plataforma que simplifica todos os procedimentos, de forma que o mesmo processo concentre na Jucer todos os atos necessários ao seu andamento”, disse o gerente da Jucer.

A divulgação e o emprego dessa nova ferramenta são orientações diretas do governador Confúcio Moura, para quem a consciência estatal tem que ter o empresariado em elevado grau de respeito e consideração, dando a ele as melhores condições para crescer, e este é o objetivo da implantação da plataforma do Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim), com a descentralização de suas atividades nos 52 municípios do Estado.

O Redesim é um sistema integrado que permite a abertura, fechamento, alteração e legalização de empresas em todas as juntas comerciais do Brasil, simplificando procedimentos e reduzindo a burocracia ao mínimo necessário, até como estratégia para tirar profissionais empreendedores importantes da informalidade.

Além dessas facilidades, com a utilização desse sistema os usuários também poderão obter informações e orientações pela internet ou de forma presencial, a exemplo do acesso a dados de registro ou inscrição, alteração e baixa de empresários e pessoas jurídicas e, ainda, certidões online, o que facilita bastante a vida do usuário que, esperava até cinco dias por alguma providência que hoje é possível imediatamente ou, no máximo, em duas horas.

Leílson Costa explicou que todo o Estado de Rondônia já dispõe de uma estrutura da Jucer com esta nova ferramenta institucional para realização dos serviços de seu fim, com o apoio da Jucer em Porto Velho. A partir do próximo dia 4, os municípios de Porto Velho, Ariquemes, Ji-Paraná, Cacoal, Rolim de Moura, Vilhena, Guajará-Mirim e Nova Mamoré estarão plenamente integrados ao sistema, podendo ali mesmo adotar todas as medidas previstas na plataforma do sistema nacional para simplificação do registro e da legalização de empresas e negócios.


Fonte
Texto: Cleuber R Pereira
Secom – Governo de Rondônia