Ele estava internado no Cemetron onde se recuperava de meningite

Morre o jornalista Santiago Roa Júnior

Jornalista, professor, músico, humorista e ator. Essas eram algumas das facetas profissionais de Santiago Roa, que faleceu no início da tarde desta sexta-feira (30), em Porto Velho. Ele estava internado há mais de 60 dias no Hospital Cemetron, na capital rondoniense. O enterro acontecerá em Cacoal. Carismático, Santiago Roa passou por diversos veículos e escolas de comunicação do Estado, entre elas a Rede TV, Rede Amazônica e por último o jornal Rondoniaovivo, onde apresentou o programa Sport Show e trabalhou na equipe de redação.

Na imprensa rondoniense, foi ancora do programa Fala Rondônia, na Rede TV. Começou no jornalismo esportivo chegando a ser narrador de futebol.  No humor, criou o mais antigo grupo de comédia do Estado, o Ossos do Orifício. Na música Santiago se apresentou em diversos palcos, baixista de mão cheia, tocou em várias bandas. Ele era aficionado pelo bom e velho rock, porém sem nunca deixar de lado suas raízes sertanejas com um pé no Paraguai. Um dos mais queridos profissionais da imprensa rondoniense se despede e vai deixar saudade!

Por Rondoniaovivo