Antes de expulsá-la de casa, suspeito teria agredido a mulher e a ameaçado com uma faca. PM conseguiu convencer o homem a entregar filha à mãe.

Suspeito foi preso e encaminhado a carceragem da Central de Polícia, em Porto Velho (Foto: Toni Francis/G1)

Um homem de 34 anos foi preso pela Polícia Militar (PM), na madrugada deste sábado (23), depois de expulsar a esposa de casa e impedi-la de alimentar a própria filha, em Porto Velho. Segundo a PM, o suspeito teria agredido a vítima e a ameaçado com uma faca. O caso foi registrado na Central de Polícia.

O caso aconteceu na rua Portugal, Bairro Monte Sinai, Zona Sul da capital. De acordo com boletim de ocorrência, quando a equipe da PM chegou ao local a mulher estava pedindo por socorro.

Depois de desferir dois tapas na companheira, o suspeito teria pegado uma faca e expulsado a vítima, dizendo que iria matá-la e que ela não levaria a criança.

Quando a polícia chegou no local, a dona de casa disse que o marido não a deixava entrar em casa e nem pegar a filha de um ano e oito meses para alimentá-la. A mulher também relatou sofrer ameaças e agressões por parte do suspeito.

Os policiais pediram para que o marido entregasse a criança à mãe, mas o suspeito atendeu a guarnição com uma faca na mão, porém recuou, voltando com a criança no colo e se negando a entregá-la.

Depois de negociação, o homem entregou a criança à mãe, mas resistiu a prisão, ameaçou e ofendeu a equipe policial. O homem foi preso em flagrante e encaminhado à Central de Polícia.

G1