Rondônia completa 32 anos

2014-01-04T10:04:53+00:0004 janeiro, 2014|
Palácio Presidente Vargas, sede do Governo do Estado, iluminado para o Natal

Palácio Presidente Vargas, sede do Governo do Estado, iluminado para o Natal

Oficialmente o aniversário do Estado vem sendo comemorado no dia 4 de janeiro, mas na verdade a história de Rondônia remonta a 66 anos antes, em 13 de setembro de 1943, quando foi criado com o nome de Território Federal do Guaporé e depois batizado como Território Federal de Rondônia. E a data de criação do Estado de Rondônia é 22 de dezembro de 1981, quando o Estado foi criado pela Lei Complementar N° 041, por inspiração do deputado federal Jerônimo Santana (que transformava o Território Federal em Estado).

A ideia de transformar  Rondônia em Estado surgiu no final da década de 1960 e se consolidou em 1970. Os rondonienses comparavam a crescente economia e população de Rondônia com a do Estado do Acre, e consideravam injusto aquele ser Estado e aqui continuar sendo um território dependente do Governo Federal.

Através da Lei Complementar n. 41, de 22 de dezembro de 1981, o então Presidente João Batista de Figueiredo criou o Estado de Rondônia. A Lei foi publicada no Diário Oficial da União no dia 23 de dezembro de 1981 e, por este ato, o Presidente Figueiredo, criador do Estado, foi homenageado com um busto que também está colocado na entrada principal do Palácio Presidente Vargas.

A sede do Governo está situada Palácio, no centro da cidade, tendo sua entrada principal pela Rua José do Patrocínio, na Praça Getúlio Vargas, constando de sub-solo e mais dois andares. É uma obra na qual se pode observar a dimensão do espaço ocupado em uma área que, na época de sua construção era bastante acidentada devido o declive do terreno. Pelas suntuosas escadas que orlam a entrada, se chega ao hall principal onde encontra-se uma galeria de fotografias de todos os Governadores, desde a criação do então Território Federal do Guaporé.

São eles:
Aluízio Pinheiro Ferreira, de 01 de novembro de 1943 a 07 de fevereiro de 1946; Joaquim Vicente Rondon, de 07 de fevereiro de 1946 a 31de outubro de 1947; Frederico Trota, de 31 de outubro de 1947 a 09 de junho de 1948; Joaquim Araújo Lima, de 09 de junho de 1948 a 22 de fevereiro de 1951; Petrônio Barcelos, de 22 de fevereiro de 1951 a 07 de fevereiro de 1952; Jesus Burlamarque Hosanah, de 07 de fevereiro de 1952 a 18 de novembro de 1953; Ênio dos Santos Pinheiro, de 18 de novembro de 1953 a 13 de setembro de 1954; Paulo Nunes Leal, de 13 de setembro de 1954 a 05 de abril de 1955, José Ribamar de Miranda, de 05 de abril de 1955 a 14 de outubro de 1956.

Em 1956, o Território Federal do Guaporé passa, a ser denominado Território Federal de Rondônia, e seus governantes foram: Jaime Araújo dos Santos, de 14 de outubro de 1956 a 06 de novembro de 1958; Paulo Nunes Leal, assume pela segunda vez o cargo, de 06 de novembro de 1958 a 08 de setembro de 1961; Abelardo Alvarenga Mafra, de 18 de março de 1961 a 08 de setembro de 1961; Ênio dos Santos Pinheiro, assume pela segunda vez o cargo, de 13 de setembro de 1961 a 03 de julho de 1962; Milton Lima, de 03 de julho de 1962 a 12 de dezembro de 1962; Wadih Darwich Zacarias, de 12 de dezembro de 1962 a 27 de maio de 1963; Ari Marcos da Silva, de 27 de maio de 1963 a 14 de outubro de 1963; Paulo Eugênio Pinto Guedes, de 14 de outubro de 1963 a 27 de janeiro de 1964; Abelardo Alvarenga Mafra, de 27 de janeiro de 1964 a 06 de abril de 1964; José Manuel Lutz da Cunha Menezes, de 24 de abril de 1964 a 29 de março de 1965; João Carlos dos Santos Mader, de 29 de março de 1965 a 10 de abril de 1967; Flávio de Assunção Cardoso, de 10 de abril de 1967 a 30 de novembro de 1967; José Campedelli, de 30 de novembro de 1967 a 13 de fevereiro de 1969; João Carlos Marques Henrique Neto, de 13 de fevereiro de 1969 a 31 de outubro de 1972; Teodorico Gahyva, de 31 de outubro de 1972 a 23 de abril de 1974; João Carlos Marques Henrique Neto, assume o cargo pela segunda vez, de 23 de abril de 1974 a 20 de maio de 1975; Humberto da Silva Guedes, de 20 de maio de 1975 a 02 de abril de 1979; Jorge Teixeira de Oliveira, de 02 de abril de 1979 a 22 de dezembro de 1981.

Em 1981, o Território Federal de Rondônia é transformado em Estado, e seu primeiro governador foi Jorge Teixeira de Oliveira, de 22 de dezembro de 1981 a 14 de maio de 1985. Pela necessidade de afastamento do Governador, no período de 04 de janeiro a 15 de fevereiro de 1984 o cargo é ocupado pela Senhora Janilene Vasconcelos de Melo, seguida de Ângelo Angelin, de 14 de maio de 1985 a 15 de março de 1987.

Até aqui os governadores do Território Federal do Guaporé/Rondônia foram nomeados pelo Presidente da República. Desta data em diante passaram a ser eleitos e assumiram nesta ordem: Jerônimo Garcia de Santana, de 15 de março de 1987 a 15 de março de 1991; Oswaldo Piana Filho, 15 de março de 1991 a 01 de janeiro de 1995; Valdir Raupp de Matos, de 01 de janeiro de 1995 a 01 de janeiro de 1999; José de Abreu Bianco, de 01 de janeiro de 1999 a 01 de janeiro de 2003; Ivo Narciso Cassol, de 01 de janeiro de 2003 a 01 de janeiro de 2006, sendo reeleito em 2006 para um novo período de 01 de janeiro de 2007 a 2010 e de 2011 a 2014 Confúcio Moura.

Foi na sacada do Palácio Presidente Vargas que no dia 04 de janeiro de 1982, o então Ministro da Justiça, Ibrahim Abi Ackel, representando o Presidente Figueiredo, dava por instalado o Estado de Rondônia e na frente da sacada um grande número de pessoas aguardava o anúncio do histórico acontecimento.

Vale salientar que no dia 04 de janeiro passou a ser comemorado o aniversário de Rondônia, quando é feriado estadual e, em Porto Velho , existe um Conjunto Habitacional, que tem a data como denominação do logradouro.

Fonte: DECOM – Departamento de Comunicação Social

Leave A Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Informações para contato

Mobile: (69) 9 9929-6909

Web: rondoniaempauta.com.br