Serviço faz parte da 2ª edição do projeto “Visão Social” promovido pelo vereador França Silva e pelo deputado estadual Alex Redano

Encerra nesta sexta-feira, dia 24, a triagem da segunda edição do projeto “Visão Social”, de instituto homônimo, com o apoio do deputado estadual Alex Redano, do vereador França Silva e da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Durante os atendimentos serão realizados encaminhamentos para realização de exames de tonometria, retinografia, acuidade visual e refração computadorizada, que diagnosticam diversas problemas relacionados aos olhos.

Iniciado no dia 20, o projeto gratuito para os estudantes já beneficiou várias dezenas de alunos que procuraram a Semed juntamente com seus pais e responsáveis. “Essa iniciativa contribuirá para a melhoria no aprendizado dos nossos alunos, já que ação facilitará o acesso ao diagnóstico precoce de problemas que possam afetar a visão, além de, obviamente, contribuir para a Saúde preventiva do município, evitando que pequenos sintomas evoluam para casos mais graves”, ressalta a secretária municipal de Educação, professora Vivian Repessold.

França Silva comemorou o sucesso da iniciativa. “A triagem do Projeto Visão Social está bombando! Avisem os amigos e familiares que estão sendo feitos gratuitamente exames oftalmológicos aqui na Creche Antônio Donadon”, afirmou.

A triagem está sendo realizada desde o dia 20 e continuará até esta sexta-feira, dia 24 de janeiro, das 8h às 11h e das 14h às 16h30, na escola municipal Antônio Donadon, localizada na avenida Melvin Jones, n° 1256, no bairro Cristo Rei. Já as consultas acontecerão do dia 27 ao dia 31 deste mês.

Marilene Inacio, mãe da pequena Nicole, que estuda na escola municipal Luiz Rover, diz estar muito feliz com ação. “Há dois anos já sabemos que era necessário o exame mas fica ‘puxado’ para mim pagar o exame e também o óculos. Então eu fiquei muito feliz pelo projeto e até a Nicole está pulando de alegria”, conta a mãe.

Para o dia da triagem, a coordenação do Instituto Visão Social pede que cada pessoa atendida doe solidariamente um quilo de alimento não perecível, para que sejam distribuídos em bairros afastados do Centro em Vilhena. O atendimento é destinado para crianças a partir dos 5 anos de idade, bem como adultos e idosos, exceto mulheres gestantes.

Semcom