Mobilização visa discutir ações para prevenir acidentes de trânsito

image[dropcap]N[/dropcap]a manhã desta quarta-feira (27) o chefe do Ciretran/Vilhena Antônio José Campos, a responsável pela Educação no Trânsito do órgão Claudineia de Oliveira Brigel, o Secretário Executivo Regional Ronaldo Alevato e a representante da ACIV Alexia Maciel e o coordenador de fiscalização do órgão Felipe Braga se reuniram na sede da instituição de trânsito para coordenar ações multissetoriais que envolvam a participação do poder público e da sociedade civil que coloquem em pauta e promovam a discussão para evitar os acidentes de trânsito, através do Maio Amarelo.

Em 2015, o Maio Amarelo registrou adesão de 23 países, 30 mil apoiadores cadastrados no site do movimento (www.maioamarelo.com) e mais de 700 organizações nacionais e internacionais engajadas para reduzir a violência no trânsito. O movimento tem como motivação a urgência de frear a violência no trânsito em todo o mundo, frente ao impacto negativo da violência no trânsito.

imageAo longo do mês de maio será adotado um laço amarelo, símbolo do movimento, colocando iluminação amarela nas fachadas e monumentos, serão realizadas palestras, blitz educativas e Pit Stop.

Segundo o secretário Ronaldo Davi Alevato, as escola Ângelo Donadon e Luiz Carlos adotam a educação do trânsito dentro das escolas. Neste quesito, Claudineia apontou as dificuldades que encontrar, dentro das escolas, uma espaço dentro da programação escolar para palestrar é conscientizar os alunos.

“Os próprios filhos cobram dos pais, após assistirem as palestras, sobre as ações corretas que deveriam ser tomadas”, afirmou Campos.

Da redação do Rondônia em Pauta