quinta-feira, 25 julho, 2024
Quinta-feira, 25 de julho de 2024 - E-mail: [email protected] - WhatsApp (69) 9 9929-6909




Justiça determina retorno de Raissa Bento ao cargo de prefeita em Guajará-Mirim

Raissa estava afastada desde a Operação Avatar, realizada pelo Ministério Público de Rondônia (MPRO) em janeiro deste ano. Ela deve voltar ao cargo ainda nesta terça-feira (9).

Raissa Bento foi eleita prefeita de Guajará-Mirim — Foto: Redes sociais/Reprodução

O Tribunal de Justiça de Rondônia decidiu que a prefeita afastada de Guajará-Mirim (RO), Raíssa Bento (MDB), deve retornar ao cargo. Ela estava ausente da função desde a deflagração da Operação Avatar, feita pelo Ministério Público de Rondônia (MPRO) em janeiro deste ano.

A informação foi confirmada pela defesa da prefeita e pelo Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO). O caso corre em segredo de justiça.

A decisão foi tomada pelo relator do caso, Daniel Lagos, que atendeu um pedido da defesa para revogar a medida de afastamento. O relator entendeu que não haveria mais atualidade na medida ou risco com o retorno de Raíssa, já que todas as provas foram colhidas e a denúncia apresentada.

Os efeitos da decisão também foram estendidos aos demais denunciados que tenham sido afastados. Segundo a defesa de Raíssa Bento, a decisão judicial de retorno ao cargo deverá ser cumprida ainda nesta terça-feira (09).

Por Jefferson Carvalho, Rede Amazônica




Mais notícias






Veja também

Pular para a barra de ferramentas